domingo, 28 de outubro de 2012

Julgamento da Capitu - no Sesi Vilhena

Postado por Nidiane Latocheski às domingo, outubro 28, 2012
Reações: 
2 comentários

A encenação foi realizada pelo 2º ano do Ensino Médio do
Centro Educacional Isolina Ruttmann - SESI /VHA, no dia 26/10/2012




Quando os alunos por si mesmos sabem "pôr a mão na massa", o trabalho flui, simplesmente porque fazem e pronto! Bastou lançar a ideia e eles acataram, trabalharam muito nos dois grupos: o da acusação e da defesa da personagem Capitu.

O trabalho teve como objetivo representar em um júri simulado pontos importantes da obra Dom Casmurro, escrita por Machado de Assis. O combinado foi simular conforme as leis promulgadas à época, em que o adultério era crime e havia condenações diferenciadas entre homens e mulheres.

O sucesso do trabalho deve-se ao fato de os alunos argumentarem com segurança sobre detalhes do enredo. Souberam lidar bem com os improvisos do júri, pois, nenhum grupo sabia exatamente o que o outro iria abordar para fazerem suas réplicas e tréplicas.

Júri

Promotores, Juiz (Prof. Maurício) e escrivão

galera animada! Foto para a posteridade


Simplesmente deeeez!


Segundo informações da Folha de São Paulo, que simulou um júri em 1999, em comemoração aos 100 anos de publicação do livro Dom Casmurro, não há como condenar a Capitu. Veja um trecho da reportagem
A DEFESA"Bentinho é paranóico", argumenta advogada de CapituCYNARA MENEZESda Reportagem Local
Com voz pausada e citando estudiosos estrangeiros de Machado de Assis, a advogada de defesa, Luiza Nagib Eluf, levou oito minutos para chegar ao ponto central de sua argumentação: o adultério de Capitu não passou de paranóia de seu narrador, Bentinho.
Os olhares que teria dirigido ao "amante" Escobar morto, no caixão; a semelhança entre este e o filho de Capitu e Bentinho, Ezequiel; os encontros furtivos que teriam acontecido entre os dois "adúlteros". Absolutamente toda a suspeita em "Dom Casmurro", para Nagib Eluf, é invenção da mente neurótica do marido ciumento.
"Essa história é milenar. É a história da paranóia masculina", disse a advogada, para êxtase da platéia que vinha acompanhando sua narrativa com atenção, como se estivesse esperando pelo momento em que a palavra aparecesse.
O retrato traçado por Luiza Nagib Eluf do marido de Capitu é o de "um sujeito que construiu sua própria ruína. A semente da destruição mora em Bentinho".
Foi a paranóia que o teria levado a ver uma confissão de culpa no comentário da própria Capitu sobre a semelhança dos olhos de Ezequiel com os de Escobar -o que, disse a advogada, "não seria dissimulação, seria burrice".
Idêntico sentimento norteava, segundo ela, o sultão das "Mil e Uma Noites" em seu plano de se casar todas as noites com uma virgem e matá-la no dia seguinte com medo de ser traído. "Esse é um elemento que pode ser encontrado na psicologia de muitos homens."
Para Nagib Eluf, quem deveria estar sendo julgado ali era o marido Bentinho, por paranóico, neurótico e inseguro que era, "ensandecido de ciúmes, como muitos homens que mataram suas esposas".
Provocando o advogado de acusação, Márcio Thomaz Bastos, lembrou que o advogado criminalista havia sido acusador "em casos ótimos, condenando os assassinos" de cônjuges sob a extinta alegação de legítima defesa da honra.
"Bentinho não é assassino, mas é quase", argumentou, porque obrigaria a suposta adúltera Capitu a viver no exílio com um filho que poderia ser dele, onde morreria "provavelmente de infelicidade".
"Nem Bentinho tem certeza da traição. Escreve esse livro apenas para reforçar para si próprio a certeza de que agiu corretamente. O fato de ele enxergar no filho a pessoa do amigo é extremamente subjetivo. É parte de sua paranóia."
Mas a estratégia da procuradora de Justiça não se limitou a apontar a existência da neurose masculina em Bentinho como razão suficiente para inocentar Capitu, "uma moça moderna cuja energia e liberdade são intoleráveis" para o marido, em citação do inglês John Gledson, estudioso da obra de Machado de Assis.
Um dos trunfos de Nagib Eluf foi municiar-se não apenas do livro de Machado, mas também de farta jurisprudência para mostrar a impossibilidade de condenar Capitu sem provas concretas.
Em um país onde o adultério ainda é considerado crime passível de punição, a curiosa jurisprudência brasileira sobre o tema, que só existe em latim, de acordo com Nagib Eluf, também causou risos.
"Para a configuração do adultério é necessário que o casal se encontre "solus cum sola in solitudine" (juntos e sozinhos)" , explicou. "Antigamente, se exigia que estivessem "nudus cum nuda" (homem nu com a mulher nua), mas hoje não é mais necessário."
Encontrou ainda um texto legal que caiu como uma luva no julgamento: para fins penais, a prova do adultério deve ser positiva e concludente, não bastando comportamento ambíguo -exatamente o caminho escolhido pelo escritor para narrar a história.
"Eles leram Machado", comemorou a procuradora, concluindo que sem prova de conjunção carnal o julgamento de Capitu estava decidido, novamente em latim: "In dubio pro reo" -na dúvida, a favor do réu.
Fonte:http://www1.folha.uol.com.br/fsp/ilustrad/fq25069921.htm




sábado, 27 de outubro de 2012

Trabalho com a notícia do jornal Folha de Vilhena

Postado por Nidiane Latocheski às sábado, outubro 27, 2012
Reações: 
0 comentários
Nessa semana, realizamos mais ações do projeto Diário de Bordo - Meu outro Eu. Terça-feira houve a entrevista da Franciele do Vale, da Folha de Vilhena.

Na quinta-feira, fomos ao laboratório de informática para lermos a matéria do site de notícias: Folha de Vilhena . Os alunos do 6º A participaram ativamente da aula. Lá, pude perceber o quanto os alunos ficaram interessados em ler e comentar. Muitos nunca haviam comentado em nenhuma página eletrônica, então, superaram as dificuldades e fizeram bonito com as palavras. Pena que o servidor não aguentou tanto acesso e só foi possível 10 comentários dos alunos..





Na sexta-feira, sorteamos três exemplares do jornal impresso que publicou a matéria sobre nosso Projeto. Foi um momento especial e de muita euforia para ganhar os exemplares...
A sugestão foi de levar pra casa, ler com os pais e depois emprestarem aos outros colegas de sala.





quinta-feira, 25 de outubro de 2012

Frutos do projeto Diário de Bordo - Meu outro Eu

Postado por Nidiane Latocheski às quinta-feira, outubro 25, 2012
Reações: 
0 comentários
Nos últimos dias, estamos muito emocionados com a dimensão que o projeto Diário de Bordo tomou. Pois, nem imaginávamos tais resultados. Ver a satisfação dos alunos, o envolvimento, a criatividade, o empreendedorismo é satisfatório. Significa que toda a dedicação em prol da melhoria e desenvolvimento da leitura e escrita vale a pena!

Foto do jornal
Plantamos a sementinha. Mas, são os alunos os maiores protagonistas dessa obra. Parabéns a todos que  participam!









Confiram a matéria da jornalista Franciele do Vale, do jornal Folha de Vilhena.

segunda-feira, 22 de outubro de 2012

III Gincana do Sesi - Todos na mesma direção (em Vilhena)

Postado por Nidiane Latocheski às segunda-feira, outubro 22, 2012
Reações: 
0 comentários
O tema desse ano foi Sustentabilidade, focalizando a sustentabilidade financeira, socioambiental e institucional. Trata-se de uma gincana interna, entre colaboradores do Sesi. Em Vilhena a animação foi geral. O entrosamento entre as equipes é o ponto fundamental da gincana, composta por 5 provas, sendo uma delas surpresa.


O espírito esportivo esteve presente.Nesse ano, o Sesi disponibilizou madrinhas para nossas equipes, que torceram junto e deram suas ideias na competição.

sábado, 20 de outubro de 2012

Professor, você tem uma nova mensagem!

Postado por Nidiane Latocheski às sábado, outubro 20, 2012
Reações: 
0 comentários

Para celebrar o dia mundial do professor (05/10) e o dia do professor no Brasil (15/10), a UNESCO lançou a campanha “professor, você tem uma nova mensagem!”. Onde interessados poderiam gravar um vídeo de até 30 segundos, publicar no youtube e enviar o link para a organização da campanha. Os três melhores vídeos foram publicados no portal de vídeos da UNESCO no You Tube, e você poderá conferir abaixo os vencedores.

Professor, você tem uma nova mensagem


Fonte:depoisdaaula

quinta-feira, 18 de outubro de 2012

Dia dos professores animado!!

Postado por Nidiane Latocheski às quinta-feira, outubro 18, 2012
Reações: 
0 comentários
Nada como o reconhecimento dos alunos de PRESENTE!!
Foi esse o que ganhei em 2012:

Quando no dia 11/10, um ex-aluno chegou me deu um longo abraço e uma lembrancinha...
No dia 15/10, pela manhã, minha filha ser homenageada perante a escola com a medalha de bronze do MEC, que elevou o nome da escola..Ela foi classificada na OBA (Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica).
Também visualizei o Fábio, aluno próximo a conquistar o título de Jovem Embaixador, concorrendo em nível nacional à vaga e pensei: "nossa educação ainda vale a pena!" Colher os frutos de sementinhas que plantamos não tem preço!
Fora as mensagens pessoais no Facebook.. que saboroso!!

Obrigada a todos os meus alunos, minha razão de continuar lecionando..

domingo, 14 de outubro de 2012

Encontro com o escritor Braulio Tavares

Postado por Nidiane Latocheski às domingo, outubro 14, 2012
Reações: 
0 comentários Links para esta postagem
No dia 05/10/2012, conforme combinado, meus alunos do Sesi dirigiram-se  até a UNIR - Campus de Vilhena /RO, para tirarmos uma foto marcando nosso encontro. Tiramos com o professor  Osvaldo Copertino.
alunos do Ensino Médio da Rede Sesi Vilhena -
Prof. Inês (Biologia), Prof.Ms.Osvaldo (Unir) e Prof. Nidiane(Literatura)
EXCELENTE PARCERIA

O Encontro principal foi com o escritor, mas o grupo se dispersou e acabamos não tirando a foto com ele. Mas, num saldo positivo, tivemos uma ótima manhã de informação, regada à muita arte e literatura. O escritor, compositor, adaptador de contos fantásticos, blogueiro do mundo fantasmo, nos cativou com seu alto astral, sensibilidade e simpatia. Respondeu à maioria das questões feitas pelos alunos..e prometeu dar uma olhada nas outras e responder tb..
Valeu, galera!!

PS.: agradeço ao site extradevilhena pela publicação de nosso encontro.

terça-feira, 9 de outubro de 2012

Júri Simulado - Governo de Getúlio Vargas

Postado por Nidiane Latocheski às terça-feira, outubro 09, 2012
Reações: 
0 comentários
Os alunos do 2º ano do Ensino Médio do Sesi em Vilhena capricharam no Júri Simulado. Tanto defesa como acusação garantiram um espaço para formação de opiniões sobre a Era Vargas. O trabalho coordenado pela professora de História Lourdes Souza, promoveu uma aula dinâmica com direito a reflexões aprofundadíssimas acerca do tema.

Parabéns mais uma vez aos envolvidos nesse projeto.

Diário de Bordo na Escola Maria Arlete Toledo

Postado por Nidiane Latocheski às terça-feira, outubro 09, 2012
Reações: 
2 comentários
Muito gratificante saber do empenho e resultados dos alunos nesse projeto. A cada dia, me surpreendo em vê-los motivados a contribuir com sua formação cultural. Notadamente, fazem com gosto.. mesmo com dificuldades, gostam de compartilhar o que vivem, pensam ou sentem. Talvez mais uma ferramenta que incentive ainda mais o gosto pela escrita e leitura..
Seguem algumas fotos desse percurso.








quinta-feira, 4 de outubro de 2012

Se escrevo é porque tive o imaginário muito bem alimentado..

Postado por Nidiane Latocheski às quinta-feira, outubro 04, 2012
Reações: 
0 comentários
Foi com a frase que dá título a essa postagem, citada por Elias José. que as professoras Profª. Geane Valesca da Cunha Klein e Profª. Maria de Fátima Castro de Oliveira Molina (UNIR) encerraram suas atividades do minicurso  O fascinante mundo da literatura infanto-juvenil, do qual ministram. 

E isso se confirma à medida em que nos dedicamos ao estudo, à pesquisa ou à leitura sem compromissos ou "inútil"..Somos seres que se alimenta de ficção, subjetividade, ludismos, interação..um verdadeiro cardápio cultural vindo das mais diversas fontes literárias..Um exemplo disso é o fato de participar de encontros acadêmicos tão interessantes. Não há ninguém que deixe de provar um pouquinho desse menu chamado SELL. 

Para encerrar, deixo a imagem do livro de Braulio Tavares, que também nos presenteou com uma linda palestra sobre Literatura na era digital. Amanhã tem mais.



Prof. Rosana

Faraco

Braulio 

Somos fãs..


quarta-feira, 3 de outubro de 2012

XVII SELL

Postado por Nidiane Latocheski às quarta-feira, outubro 03, 2012
Reações: 
0 comentários
Aqui estou novamente "rasgando sedas" para o Dell - Departamento de Letras da UNIR de Vilhena. Como sempre o evento traz atualizações, nomes de peso, pesquisas interessantes, enfim, uma festa! Festa regada de muitos "sabidos" como falou uma professora durante a abertura do evento.E nós, convidados, nos deliciamos de intelecto!! Adooooooro!

Durante a conferência "Romance contemporâneo nos Estados Unidos" tivemos contato com o livro de Jonathan Safran Foer (um dos autores do Foras da lei…). Ele partiu da sua história favorita do Bruno Schulz, “A rua dos Crocodilos” (que está em Ficção Completa), e criou uma infinidade de novas possibilidades para ela, recortando palavras e trechos de cada página, de forma que, quando sobrepostas, proporcionem outras leituras.
Vejam que interessante! Uma verdadeira obra de arte! 




 

Blog da Nidi Copyright © 2010 Designed by Paulinha Lobato